segunda-feira, 2 de setembro de 2013

Os atos de vandalismo mais corajosos já vistos

Não que eu seja a favor de vandalismo, mas tem alguns caras que merecem destaque pela coragem que tem ao cometer tais atos. Ou os caras são completamente insanos, ou os maiores badasses já conhecidos. Dá uma conferida aí no que a galera já fez pelo mundo.


O Falo levadiço 


Pra começar não poderíamos deixar de lado esse aqui. Por que? Porque tinha que ser coisa de russos. Em um ato de protesto em São Petersburgo, o grupo de artistas Voina desenhou nada mais nada menos do que um falo gigante em uma ponte levadiça. Cá pra nós, parece coisa de criança né? Mas que deve ter feito muita gente dar risada, isso deu.



A piscina de bolinhas épica


Esse maluco aí gastou 30 mil dólares por esse ato. O cara encheu a Fonte Barcaccia, um monumento histórico de 385 anos, com 500 mil bolinhas coloridas, transformando a fonte na piscina de bolinhas mais cara da história. Perguntado sobre o motivo daquilo, o cara disse que aquilo retratava todos os problemas da Itália. Será que a Itália tá em falta de bolinhas coloridas? É isso?


                                                   
Dá uma olhada nisso, o senhor dançando deve ser o autor da bizarrice. Mas o legal mesmo é a policial rachando o bico...

O monstro de madeira


Muita gente se assustou ao passar nessa rua de Nova York em meados de 2010. O cara simplesmente fez um monstro de madeira em posição de ataque no topo de um prédio. Muitos acharam que aquilo era o prenúncio do Apocalipse. A imagem aí não é da escultura original, pois a original foi destruída quando o gerente do prédio viu a coisa lá em cima e o autor foi preso em seguida. Essa imagem aí foi feita pelo mesmo cara, mas dessa vez a pedido do dono de um restaurante que gostou da bizarrice.


Arte na rua


O grupo alemão IEPE é o responsável por essa arte de rua aí(literalmente). Os caras deixaram 500 litros de tinta a base de água de diferentes cores espalhados por pontos estratégicos de um cruzamento. Quando os carros, ônibus e motos passavam por ali, demarcavam sua trajetória em tinta na rua. Até que ficou legal. O ruim foi para os donos dos carros, que tiveram que lavar a lambança nos veículos depois.


                                                       
Olha só que ousadia dos caras. Mas ficou bacana!

A liga extraordinária


Essa aqui pra mim foi a melhor de todas. Um artista desconhecido, (ou vários), transformou essas estátuas de soldados soviéticos na Bulgária em super heróis e outros seres míticos, como o Papai Noel e o Ronald McDonald. A única pista deixada foi frase abaixo da bagaça, que quer dizer “Em sintonia com os novos Tempos”. Problemas políticos a parte, pois não sou muito de dar pitaco em política, esse ato de vandalismo ficou fodástico. Dessa vez os russos não puderam gargalhar com suas barbas encharcadas de  vodka.

Muito bom... Troféu Badass do século


Não se esqueçam de curtir nossa Página no Facebook




Nenhum comentário:

Postar um comentário