segunda-feira, 16 de setembro de 2013

Os filmes mais assustadores de todos os tempos


Lembra quando os filmes de terror realmente davam medo? É, eu sei que faz tempo que isso não acontece. Por isso preparei essa humilde lista, com os filmes que provavelmente fizeram você dormir de luz acesa.


It, uma obra prima do medo (1990)

Não sei por que, mas filmes de terror que tem crianças como protagonistas mexem bastante com meu psicológico. Quando eu vi esse filme pela primeira vez, me lembro que passei semanas com medo daquele palhaço maldito, o Pennywise. It não poderia deixar de estar nessa lista, ainda mais por que é do Mestre Stephen King.




A inocente face do Terror (1972)

Mais um filme com crianças como protagonistas, o que já é um ponto a mais para que esse filme esteja nessa lista. O fato é que esse filme é realmente chocante. Antigamente os filmes de terror eram realmente bons, o que é raro de ser visto hoje em dia. “A inocente face do terror” é um filme de 1972, mas que consegue ser assustador até hoje, sem ter que apelar para litros e mais litros de ketchup.

Um Lobisomem americano em Londres (1981)

Um filme completamente fodástico. Existem milhares de filmes sobre lobisomens por aí, mas nenhum deles conseguiu superar “Um lobisomem americano em Londres.” O filme consegue prender o telespectador do começo ao fim, com boas doses de humor negro e uma história empolgante. E não pensem que só porque o filme tem seus momentos engraçados que não é um filme assustador, pois o filme é bem assustador também. Quem já assistiu provavelmente deve ter se arrepiado quando escutou o urro do Lobisomem pela primeira vez no filme. Uma curiosidade é que a transformação em lobisomem é considerada até hoje a mais realista dos filmes do gênero.

Cujo (1983)

Saindo de Lobisomens para um São Bernardo. Não, eu não estou falando do Beethoven, aquele cachorro mala que teve uns 300 filmes. A estrela aqui é Cujo, um São Bernardo que contrai raiva após ser mordido por um morcego. O filme é extremamente tenso e assustador.  Mais uma vez Stephen King mostra que tem todo o direito de ser considerado o mestre do terror.

O Brinquedo assassino (1988)

Apesar de ter virado uma sequência de palhaçadas sem tamanho, o primeiro filme foi realmente assustador. A ideia de ter um boneco bonitinho correndo ela casa com uma faca na mão era realmente perturbadora . Infelizmente, o filme gerou sequencias, sofríveis por sinal. O boneco se casa (WTF?), tem um filho (WTF?²) e o filho ainda se assume gay (OMG!!). Tá vindo um remake do original por aí e parece que querem dar um novo começo pra essa bagunça que fizeram. Espero que valha a pena!



Vou parando por aqui, mas ainda tenho mais alguns filmes para completar essa lista. Então não percam a segunda parte! Enquanto a segunda parte não sai, curta a nossa Página no Facebook e fique por dentro das novidades!

Nenhum comentário:

Postar um comentário