terça-feira, 19 de novembro de 2013

Os episódios mais controversos de Os Simpsons

Que eu adoro falar dos Simpsons é fato comprovado por pesquisadores do mundo inteiro, por isso vocês sempre verão por aqui uma matéria sobre a família mais querida da televisão. Dessa vez chego até vocês, fiéis leitores , com os episódios mais polêmicos dessa série tão aclamada. Fiquem a vontade!

Simpsons x Family Guy

É do conhecimento dos fãs de ambas as séries que Os Simpsons e Family Guy vivem se alfinetando por aí, mas Matt Groening prometeu dar um fim nessa briguinha de criança no final de 2013, quando haverá um crossover entre os dois seriados. Mas a briga já foi feia! Em 2005, no episódio “O Bob Italiano”, Os Simpsons acusaram abertamente Family Guy de plágio. É claro que Family Guy não deixou barato e produziu um episódio onde Quagmire estuprava Marge e matava a família Simpsons inteira, incluindo a Maggie. A boa notícia é que a Fox teve bom senso e não permitiu que o episódio fosse ao ar.





O Casamenteiro

Nesse episódio da 16ª temporada, Springfield legaliza o casamento gay para impulsionar o turismo na cidade. Na época de lançamento do episódio, muita gente começou a especular qual personagem sairia do armário para adentrar o lado colorido da força. No final, acabamos descobrindo que era Patty, irmã de Marge, o que decepcionou muita gente, pois era meio óbvio. O episódio gerou polêmica e foi um dos mais debatidos da época.


Bart VS Austrália

Os Simpsons é um desenho polêmico e vez ou outra cria um inimigo por aí. O desenho já foi banido na China e restrito na Venezuela por suas piadas ácidas. O mesmo aconteceu com a Austrália, que se sentiu insultada com o episódio Bart VS Austrália, onde os Simpsons fazem uma viagem até o país. No episódio, a Austrália é mostrada como um país de gente atrasada e governada por nepotistas. Pegou mal para Os Simpsons, e o seriado foi condenado em 2007 pelo parlamento australiano.




Dois Maus vizinhos

Um dos maiores inimigos dos Simpsons  era George Bush (o pai ), que em 1992 disse que Os Simpsons era um péssimo exemplo para as famílias americanas. Em 1996 chegava as telas o episódio “Dois Maus vizinhos”, onde Homer entrava numa disputa de territórios com o próprio George Bush. O episódio criou grande desconforto, por ter ridicularizado uma das figuras mais importantes da América.


Homerfobia


Um episódio que causou grande desconforto também foi Homerfobia, onde Homer começa a desconfiar que Bart está virando gay depois de conhecer um colecionador chamado John, que é homossexual. As piadas do episódio foram de extremo mau gosto e preconceituosas, chegando até a citar que todos os metalúrgicos da América eram gays. O episódio foi classificado como um dos cinco piores episódios da série. Eu particularmente não vi nada de mais nesse episódio.



O feitiço de Lisa

Assim como a Austrália e outros países, o Brasil também foi vítima do humor ácido dos Simpsons. Em 2002 Os Simpsons vieram ao Brasil, que foi retratado como um imenso terreno baldio, infestado de ratos e macacos, onde os policiais se mostravam preguiçosos e inúteis, homens na sua maioria bissexuais e uma apresentadora de programa infantil que beirava a pornografia. Bom, alguns pontos no desenho são bem verdadeiros e temos que concordar que nossa televisão é realmente tomada por baixarias. Verdade ou não, o conselho de turismo do Brasil ameaçou entrar com uma ação judicial contra a série, mas nenhuma ação foi tomada depois que o produtor James L. Brooks pediu desculpas publicamente. Ah, e é claro que eu concordo que nosso dinheiro é bem gay, como foi dito no episódio.


O diretor e o soldado


Todos se lembram com saudades da chamada “Era do ouro” dos Simpsons, que se refere as 8 primeiras temporadas do show, onde os episódios eram em sua maioria, espetaculares. Este episódio específico, “O diretor e o soldado”, foi essencial para o declínio do seriado. Nesse episódio, os moradores de Springfield descobrem que o diretor Skinner é na verdade um impostor, chamado Armin Tamzarian, que teria roubado a identidade do verdadeiro Skinner durante a guerra. O episódio foi extremamente criticado pelos fãs e até pelo próprio dublador do diretor Skinner, Harry Shearer, que achou o episódio desrespeitoso com os fãs, por ter jogado fora nove anos de uma história que o público já tinha se acostumado. Desde então, Os Simpsons nunca mais foram os mesmos, mas eu continuo com eles, firme e forte.



Deixe sua opinião, pois ela é muito importante para que matérias de qualidade cheguem a você, e se não for pedir demais, curta nossa Página no Facebook, é rápido e de graça! É só clicar AQUI! Abraços!

4 comentários:

  1. Engraçado que o episodio onde a família Simpson vem ao Brasil não ser citado aki?
    Aquilo foi ridículo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. tem certeza que leu a matéria Everton? O penúltimo episódio citado é justamente o que Os Simpsons vem ao Brasil!

      Excluir
    2. Aaaaaaaaaa iiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      Excluir