segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Os animais mais assustadores descobertos recentemente

A ciência vem sempre nos apresentando novas espécies de animais recém descobertos. Não é raro quando nos apresentam animais bonitinhos e fofinhos, mas é chocante quando chegam com verdadeiros monstros que seria melhor se não tivessem descoberto!

A Centopéia rosa


Centopéias já são animais meio asquerosos por natureza (e olha que eu nem to falando da Centopéia Humana). Agora ainda me aparecem com esse exemplar rosa choque, que foi descoberto em 2007. Não, ela não é rosa apenas por uma questão de gosto, a cor do bicho é apenas um aviso de que ela secreta cianeto. Sim, cianeto, um dos venenos mais mortais do mundo.




O morcego com a maior língua do mundo


Não é a toa que o Batman usa aquela roupa extravagante de morcego, afinal morcegos são realmente assustadores. Esse aqui foi descoberto em 2005 e chamado de “Anoura Fistulata”. É, com um nome desses boa coisa não poderia ser mesmo. Mas o bicho nem é tão assustador assim, afinal de contas ele tem só 2cm. O que assusta é o tamanho da língua desse cara que chega a 3,5 cm, ou seja, quase o dobro do seu tamanho. É como se um ser humano tivesse uma língua de 2,7 metros de comprimento.


A lagosta espadachim


O nome dessa lagosta eu inventei, mas é bem apropriado, pois o bicho tem uma garra enorme, que é usada para um único propósito, assassinato a sangue frio. Mas não se assuste tanto, pois o bicho foi encontrado apenas a mil metros abaixo da superfície do mar. Seu nome científico é Dinochelus ausubeli. Tendo “Dino” no nome já me assusta.

A Minhoca com tentáculos


Parece que tudo que vem das profundezas do mar foi feito exclusivamente para inundar nossos pesadelos com criaturas horríveis. A primeira pergunta é, que m#$%a de bicho vem a ser esse? Ele parece uma mistura de lula com lagosta, uma pitada de libélula e uma dose de horror. O bicho tem apenas quatro polegadas, mas já é o suficiente para aterrorizar. Seu nome científico é Teuthidodrilus Samae e é encontrado entre a Indonésia e as Filipinas. A profundidade em que vive é um lugar não definido entre a superfície e as profundezas oceânicas, como se fosse um purgatório do mar.

A vespa vampira






Sim, eu também inventei esse nome. Esse espécime é encontrado na Indonésia (mais um país que risquei do meu tour pelo mundo, junto com Austrália, Rússia e Japão).Descoberto em 2011, o bicho, que foi nomeado de Garuda, tem 2,5 cm e é venenoso ainda por cima. Mas o tamanho e o veneno não foram suficientes para te assustar? Olha só então o tamanho das presas dessa maldita. São maiores do que as patas e a cabeça. Os cientistas ainda não sabem para que servem as presas gigantes, além de nos fazer chorar de medo em posição fetal, pois parece que alguém lá em cima gosta de nós e ainda não foram encontrados espécimes vivos desse monstro.



Ainda não curtiu nossa página no Facebook? É só clicar AQUI e ficar por dentro das curiosidades mais interessantes da Web!


Nenhum comentário:

Postar um comentário