terça-feira, 12 de novembro de 2013

Os 10 atos mais Hediondos cometidos em Game of Thrones

Antes que você comece a sua leitura, já vou avisando que a matéria tem muitos spoilers sobre a série Game of Thrones, portanto se você não gosta de spoilers não continue lendo, mas se você não liga pra isso ou já viu a série e só quer relembrar atos de uma barbárie sem tamanho, fique a vontade!!! A casa é sua!


10 - Os Jogos Sádicos de Joffrey

Quando Tyrion envia duas prostitutas ao seu sobrinho mimado Joffrey, o que você esperava? Um jovem, na puberdade, com duas lindas prostitutas no quarto só poderia acabar de um jeito não é? Não, pois o odioso Rei Joffrey, transforma essa chance num jogo de tortura e humilhação que culmina na morte das duas prostitutas. Pobre Ros, eu gostava dela!



9 – O tumulto em King’s Landing

Depois de deportar sua filha  Myrcella para Dorne, a Rainha Cersei, acompanhada de Tyrion e do maldito Rei Joffrey são surpreendidos por um tumulto em King’s Landing. Os moradores raivosos, clamam por comida e acabam jogando um merecido cocô de vaca na cara do rei Joffrey, o que dá início a um tumulto sem precedentes. Um meistre é pego e dilacerado pelos moradores revoltosos (poderia ter sido o Joffrey). Como se não bastasse, ainda tentam estuprar Sansa Stark, sem dó nem piedade por ela ser apenas uma menina, mas são mortos pelo Cão de Caça antes de consumar o ato. (Será que só eu gosto do Cão de Caça?)

8 – Traindo o Velho Urso

Uma das maiores sacanagens dessa série. O comandante da patrulha da noite Jeor Mormont, tenta apaziguar uma revolta de seus corvos contra Craster, mas acaba sendo traído por seus próprios homens e apunhalado nas costas, morrendo junto com Craster. Tá certo que Craster merecia morrer, mas o Velho Urso merecia uma morte mais honrosa do que essa.

7 – A tortura com Ratos em Harrenhal

Infelizmente os presidiários da época não contavam com a convenção de Genebra, que lhes garantiriam tratamentos mais humanos. Ao invés de tratamento humano, os presidiários da Fortaleza de Tywin Lannister recebiam torturas sinistras. Uma delas consistia em colocar um rato faminto sobre seu abdômen, cobri-lo com um balde e esquentar o fundo do balde. Por onde o rato tentaria fugir? Isso mesmo, suas entranhas!!!!

6 – A tortura de Theon Greyjoy

Theon bem que merecia um castigo violento por sua traição, mas essa foi cruel até pra ele. Unhas arrancadas, membros esticados e surras constantes foram pouco perto do que veio depois. Theon foi surpreendido por belas mulheres nuas que lhe fizeram massagens e carícias, deixando-o cada vez mais excitado. É claro que não é essa a tortura. O pior foi quando no clímax do negócio, seu algoz chegou para decepar seu pênis. Tortura física e psicológica numa sincronia perfeita.

5 – Jaime tenta matar Bran

Pobre garoto Bran, mal sabia que seu gosto por escalar as muralhas de Winterfell, seria seu maior pesadelo. Em uma de suas escaladas, Bran presenciou um cena de incesto entre Jaime e Cersei Lannister, o que já é bem pesado para uma criança, mas Jaime para esconder seu segredo não hesitou em empurrar Bran para a morte. O garoto não morreu, mas ficou paralítico, passando a ser carregado de um lado para o outro nas costas de Hodor, um cara super bom de papo.

4 – O assassinato de Renly Baratheon

Com a morte do Rei Robert, muitos se viram no direito de reclamar o trono, e seu irmão Stannis foi um deles. Percebendo que seu outro irmão Renly também representava uma ameaça, Stannis tratou logo do assunto, usando a magia de Melisandre a seu favor. É incrivelmente tenso quando Melisandre dá a luz a um espectro demoníaco que mata Renly com apenas um golpe.

3 – O assassinato de bebês

O finado Rei Robert era bem conhecido por suas relações extra conjugais, sendo assim, tinha bastardos espalhados por todos os lados. O amável Rei Joffrey, com medo de futuras reivindicações ao Trono de ferro, mandou matar todos os bastardos do reino. A cena mais chocante é quando um bebê é brutalmente arrancado dos braços da mãe e esfaqueado friamente diante de seus olhos.

2 – Traição e morte de Ned Stark

O momento mais chocante da primeira temporada, com certeza. Antes de morrer, o Rei Robert deixou um decreto nomeando Ned como seu sucessor. Percebendo que os Lannister fariam de tudo para colocar Joffrey no Trono, Ned armou um plano para impedir que o fizessem, mas acabou sendo traído por Mindinho e jogado num calabouço como traidor. A única maneira de escapar da execução, seria aceitar Joffrey como seu legítimo rei e se desculpar pela traição(que nunca existiu) diante de todo o reino. Ned fez o que Joffrey queria, mas mesmo assim foi executado sem piedade.

1 – O casamento vermelho


Sim, chegamos ao primeiro lugar, e com a cena mais chocante de toda a série, talvez de toda a história da televisão. Um clima de terror nos é imposto quando começa a tocar “As chuvas de Castamere”(música dos Lannister) durante o casamento de seu tio no castelo de Walder Frey. É aí que tudo acontece, Robb Stark é alvejado por diversas flechas, sua esposa grávida é esfaqueada repetidamente na barriga e sua mãe,Catelyn,  tentando negociar desesperadamente com Walder Frey,  tem o pescoço cortado impiedosamente. Depois ainda costuram a cabeça do lobo gigante de Robb ao corpo do dono, numa cena que é bem macabra. Sem dúvidas,o Casamento Vermelho é a passagem mais hedionda de toda a série.


Curta nossa página no Facebook, não custa nada! É só clicar AQUI.

Nenhum comentário:

Postar um comentário