quinta-feira, 3 de outubro de 2013

Terríveis animais pré-históricos que ainda estão por aí!

Muita gente é fascinada por animais pré-históricos, inclusive esse humilde rapaz que vos fala. Já imaginei várias vezes como seria legal se esses bichos ainda estivessem por aí. Eu ia querer um Tiranossauro Rex, pra treinar e cavalgar. Sensacional né? Bom, o fato é que ainda temos alguns animais pré-históricos convivendo conosco e isso me mostra que não seria tão legal assim. Dá uma olhada no naipe dos monstros.

Tubarão Duende


O nome do bicho já é sinistro, mas o bicho é bem pior. Eu defino esse animal que é originário do período Eoceno, como um pesadelo vivo. Apesar de ser encontrado apenas nas profundezas do oceano e raramente serem capturados com vida, esses monstros estão espalhados pelo mundo todo. Esse servo do mal já foi encontrado aqui no Brasil também, em 2011, no Rio Grande do Sul.  Você não está livre meu amigo.





Arraia Gigante de água doce


Arraias são os animais mais perigosos e imprevisíveis do mundo. Não concorda comigo? Lembra do Steve Irwin, aquele cara fodão que enfrentava crocodilos gigantes, tubarões e até a própria sogra? Pois é, ele acabou sucumbindo ante a maldade de uma arraia. E como se não bastasse, ainda temos esse exemplar do período Jurássico aqui, que além de ser enorme, podendo chegar até 5 metros, ainda nos oferece o que há de melhor em matéria de venenos, podendo matar uma pessoa com seu ferrão que é capaz de perfurar até ossos. Onde é encontrada? Na Ásia e é claro, na Austrália!


Tubarão Cobra


Esse bicho aí já aterroriza os oceanos há mais de 80milhões de anos. Vive só nas profundezas do oceano, como aquele maldito tubarão duende, mas esse aqui é mais audacioso e de vez em quando dá as caras na superfície também, só para nos lembrar que o terror nos aguarda debaixo d’agua. Encontrado no Japão, esse filhote de capiroto pode abrir sua boca quase duas vezes o seu próprio tamanho e te estraçalhar com centenas de dentes pontiagudos.



Alligator Gar


Esse crocodilo, ou melhor, esse peixe, ou peixe crocodilo, sei lá, chamem do que quiserem, o fato é que esse peixe bizarro habita nosso planeta há 100 milhões de anos. O bicho pode chegar até 3 metros de comprimento e pura maldade. O pior de tudo é que o animal ainda pode sobreviver por até duas horas fora da água. Encontrado na América do norte.



Triops


Triops assombram nossas vias navegáveis há 200 milhões de anos. Esse bicho viu os dinossauros surgirem e estão por aí até hoje. Os ovos desse camarão infernal são praticamente indestrutíveis e podem se manter em animação suspensa por décadas se o ambiente não for favorável. Ele é encontrado pelo mundo todo, inclusive aí na sua casa, pois existem sites que vendem ovos do animal. Quer ter um dinossauro? Taí sua chance. O único problema é que a venda dele está proibida aqui no Brasil.





Lampreia


O que dizer desse bicho? Uma comparação óbvia me veio à cabeça, mas achei melhor deixar pra lá. Esse aqui é ainda mais antigo do que o Triops, e já espalha o terror a cerca de 360 milhões de anos. É uma espécie de vampiro aquático com centenas de dentes que suga sem dó nem piedade a alma o sangue de suas vítimas. É basicamente o elo perdido entre os peixes e tudo que vem antes deles. Suponho que sejam demônios.




Bônus:

Renatus Didicus Araganus


Esse ser pré-histórico é ainda um mistério para os pesquisadores. Geralmente é visto em filmes horríveis feitos para traumatizar crianças. Uma lenda contada pelo próprio Didicus, ou Renatus, como gosta de ser chamado, é sobre um garotinho que foi ao céu só pra ver se achava uma padaria, ou algo assim. É considerado um fóssil vivo.

Curta nossa Página no Facebook! Avraços!


3 comentários:

  1. Renatus Didicus Araganus!kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  2. Vc não foi feliz na piada do bônus ein parça

    ResponderExcluir
  3. Eu axei engraçado. Kkkkk. Boa!! Legal a matéria.

    ResponderExcluir