quinta-feira, 5 de dezembro de 2013

Incríveis fotos de fantasmas que até hoje não tem explicação

Tentar decidir quais fotos de fantasmas são as "melhores" é em grande parte um exercício de subjetividade, é difícil saber quais são as melhores com qualquer grau de objetividade. Estas são as fotos que eu considero mais “autênticas”, mas eu deixo para você decidir por si mesmo o quão “verdadeiras” elas sejam. Claro, eu sei que todas podem ser fake, mas muitos delas foram tiradas muitos anos ou mesmo décadas antes de câmeras digitais e do advento do Photoshop e outros softwares de manipulação de imagens entrar em cena, tornando-as um pouco mais difíceis de falsificar do que seria hoje .

A foto de Queensland (1946)

Tirada em 1946 em Queensland, Austrália, por uma mãe que estava tirando uma foto da sepultura de sua filha adolescente. Ninguém estava à vista no momento , mas quando a imagem foi processada a imagem de uma criança apareceu , aparentemente sentada no túmulo. A mãe não reconheceu a criança, reduzindo assim ( embora não inteiramente eliminando ) a possibilidade de que seja uma dupla exposição .



As faces do S.S. Watertown(1924)

Esta famosa foto foi tirada em 1924. Aparentemente mostra os rostos dos dois tripulantes recentemente falecidos, nas ondas ao lado do navio mercante SS Watertown. Normalmente eu não ligo muito para rostos que aparecem em fotos granuladas devido à tendência do cérebro em definir imagens a partir do caos (conhecido como " matrixing "), mas neste caso é diferente, já que os rostos foram vistos por vários membros da tripulação e foram positivamente identificados como os de dois tripulantes que morreram sufocadas durante a limpeza de um tanque de óleo alguns dias antes . A Agência Detective Burns, analisou a foto e não encontrou nenhum tipo de manipulação.


Menina nas chamas (1995)

Esta famosa foto de uma jovem olhando para fora em meio a chamas intensas foi tirada durante um incêndio na Câmara Municipal de Shropshire , Inglaterra. Tirada do outro lado da rua por um fotógrafo local, nada de anormal foi visto na hora, mas uma vez que a foto foi revelada notou-se o que parecia ser uma jovem de pé na porta do prédio em chamas . Bombeiros acharam a foto tão perturbadora que eles vasculharam as cinzas depois procurando os restos de um corpo, mas não encontraram nada , deixando todo mundo querendo saber quem a garota pode ter sido. Não surpreendentemente, há um pouco do folclore local, que afirma que uma jovem chamada Jane Churm acidentalmente queimou a prefeitura em 1677 , quando ela deixou cair uma vela, e seu fantasma tem a fama de assombrar a prefeitura desde então.


Cemitério Grove (1991)

Uma dessas fotos "muito-bom - para -ser- verdade ", esta realmente tem pedigree, porque foi tirada por um investigador paranormal profissional (e note que também foi tirada em plena luz do dia , ao contrário da maioria das investigações em cemitérios que são quase sempre feitas à noite). A foto foi tirada no Cemitério Grove, em Illinois, no dia 10 de agosto de 1991.O fotógrafo estava usando filme monocromático de alta velocidade na área onde o equipamento detectou várias anomalias eletromagnéticas , e capturou esta imagem de uma mulher em traje de época. Note-se que as partes inferiores das pernas parecem ser transparentes. Parece encenado, eu sei... Mas sei lá né?


O espírito da floresta (1959)

Tirada pelo Reverendo R.S. Blance perto de Alice Springs, Austrália, em 1959, esta famosa foto tem circulado há muitos anos e não tem explicação até hoje. Não seria difícil de falsificar essa foto com um software de manipulação de imagens (ou seja, Photoshop ), mas isso teria sido quase impossível de fazer em 1959.


HMS Daedalus  (1919)

Outro clássico e uma das melhores capturas , esta fotografia de 1919, feita pelo oficial da RAF aposentado Sir Victor Goddard, mostra seu esquadrão do navio HMS Daedalus . Observe o rosto semi transparente em torno do homem , no canto superior esquerdo da foto . Vários homens deste esquadrão identificaram o rosto como pertencente ao mecânico Freddy Jackson, que tinha sido morto dois dias antes, quando ele acidentalmente entrou em uma pá da hélice girando. Seu funeral tinha ocorrido mais cedo naquele dia . Aparentemente , Freddy não quis perder toda a diversão.

A mãe (1959)

Ao visitar o túmulo de sua mãe , em 1959 , a Sra. Mabel Chinnery decidiu acabar com o rolo de filme ao tirar uma foto de seu marido sentado no carro. Quando o rolo foi revelado , uma figura feminina apareceu , sentada no banco de trás . Sra. Chinnery e vários membros da família insistem que a figura feminina é a de sua mãe, que parece ter tomado o seu lugar habitual no banco de trás e está esperando pacientemente para ser levado para casa . Um perito fotográfico examinou a impressão e declarou não ser nem um reflexo , nem uma dupla exposição . Observe que "mãe" parece ser um fantasma bastante sólido, sem nenhum indício de transparência ou de luz das janelas traseiras brilhando através dela. Mesmo os óculos parecem refletir a luz!


A Senhora de Raynham Hall (1936)


Talvez a mais famosa de todas as fotos de fantasmas , esta foto altamente controversa foi tirada em 1936 por fotógrafos enviados pela revista Country Living Londres para tirar algumas fotos do interior de Raynham Hall, em Norfolk , Inglaterra. O que também é interessante sobre esta foto é que, em contraste com a maioria das fotos em que a figura não é vista até que o filme seja revelado , a figura espectral de uma mulher descendo a escada foi visto segundos antes da foto ser tirada . Os negativos desta foto foram examinados por literalmente centenas de especialistas (e não um pequeno número de céticos ) que não encontraram nenhuma evidência de que seja ou uma farsa ou uma dupla exposição . Ainda considerada por muitos como a melhor "captura" já feita.

Pronto, agora só falta você curtir nossa Página no Facebook! Ou quer dizer que você queria apenas me usar e jogar fora depois? Curte lá, vai! É só clicar AQUI.


Um comentário: